terça-feira, abril 29, 2008

The Brave One (2007)

de Neil Jordan


Num regresso aos universos de Taxi Driver, Jodie Foster brilha a grande altura, neste complexo thriller de Neil Jordan (Crying Game e The End Of The Affair). Jodie interpreta uma traumatizada radialista, que marcada por um acto de violência extrema, acaba por assumir um papel de justiceira, numa espécie de catarsis emocional.

As consequências, são o diluir das fronteiras, entre “bons” e “maus”.Terrence Howard, no papel do detective que tal como Jodie, está farto de vêr os criminosos fugirem à Justiça, é fulcral para perceber a personagem de Foster. O irlandês Neil Jordan, revela um talento inesperado na direcção de um blockbuster de acção, imprimindo-lhe um carácter bastante intimista. O realizador filma com a sua habital elegância técnica e mestria narrativa. A haver pontos negativos, serão algumas cenas mais inverosímeis, ou a sensação que se poderia ir mais longe num tema tão delicado como este. Mas quando o filme parecia começar a descambar lá para o final, acontece um brilhante volte face, que foge aos clichés deste género de fitas, e apresenta-nos a única conclusão possivel de forma surpreendente.

Foster e Howard fazem uma dupla com uma química arrebatadora e Jordan assina um belíssimo filme, com um tema sensível e polémico. Pena não ter ido mais longe.

2 comentários:

Cataclismo Cerebral disse...

Gostei tanto deste filme, foi um dos que mais apreciei em 2007. Jordan consegue destilar elegância e sobriedade e Foster leva a sua personagem a níveis de profundidade raros para este tipo de filmes.

Abraço

Luís disse...

Tambem gostei do filme, não tanto como tu, mas mesmo assim, destaca-se deste tipo de fitas. E Jodie é sublime!

um abraço

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails