sexta-feira, maio 04, 2007

Spiderman 3 (2007)

de Sam Raimi

Terceiro capítulo da saga do aracnídeo, é ao mesmo tempo o mais fiel à BD e o mais fraco da trilogia. Motivos? Spiderman 3 está recheado de clichés e de várias incongruências.

O problema deste elefante de 250 milhões de dólares, é a história: não existe! Apenas uma reciclagem de situações entre Peter Parker, Mary Jane e Harry Osbourne, directamente importadas dos filmes anteriores (que já de si não eram nada de especial). Compreende-se o facto de este ser um filme que obrigatoriamente tem fazer muito dinheiro (pelo menos 250 milhões de dólares), mas com a breca, era preciso ser tão bajulador com o público??? Não há espaço para a imaginação do espectador em Spiderman pois a trama mesmo para quem não conhecia a BD é demasiado previsível e estereotipada e os personagens estão quanto a mim muito mal desenvolvidos. Apenas consegui sentir algum interesse pelo Sandman de Thomas Hayden Church, mas mesmo esse só tem tempo de antena no início, para reaparecer “a martelo”na cena final.

Mas nem tudo é mau. Este é um blockbuster, e um dos filmes mais caros da história, e isso vê-se em cada imagem. Destaque enorme para equipe de efeitos visuais, que me parece ter atingido um nível de perfeição nunca vista na saga. Essa perfeição permite que vejamos acrobacias, situações e combates directamente saídos das vinhetas da BD, com uma fidelidade impressionante. A história de Venon, é das poucas que está boa uma vez que é fiel à BD e não inventa muito.
Em suma Spiderman 3 não é um bom filme, longe disso, mas é um espectáculo visual impressionante devido à mestria dos efeitos visuais.
A Favor: Os impressionantes efeitos visuais, coreografia dos combates e claro o Venon!
Contra: Personagens adolescentes e algo ridículos, abundância de estereotipos, açucar a mais nas cenas do trio Peter Parker, Mary Jane e a Tia May e a confirmação que o grande Sam Raimi de Evil Dead e de Darkman desapareceu de vez.

3 comentários:

Bracken disse...

Tal como tu, também só senti algum interesse pela personagem do Thomas Haden Church. Neste tipo de filmes, os actores são acessórios e nem se pode chamar "representar" àquilo que fazem nos intervalos do CGI, mas o actor conseguiu imprimir um carácter dúbio ao homem areia e até a colocação da voz estava muito bem. É pena, como referes, ter sido completamente destruída na parte final, tão adocicada que quase fiquei com diabetes.
Um abraço,
Bracken

_Loot_ disse...

Não sou fã dos filmes anteriores e ainda não vi este. O actor que me inspira mais confiança é claro Thomas Haden Church, pelo que conheço de sandman na bd quase de certeza que ele no fim vai ajudar o aranha.
Quero ver este filme porque tem o Venom que é o supra sumo dos vilões do aranha, mas confesso que tou com receios.

H. disse...

Apesar de tudo, os actores são sempre agradáveis de se ver...

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails